Sexta-feira, 21 de janeiro de 2022
informe o texto

Notícias | Geral

MT tem 699 novos casos de covid-19; Cuiabá registra primeiro caso de Flurona

Outros seis pacientes do interior diagnosticados com Flurona foram atendidos em Cuiabá

05/01/2022 - 07:21 | Atualizada em 05/01/2022 - 07:45

Redação

MT tem 699 novos casos de covid-19; Cuiabá registra primeiro caso de Flurona

Foto: Fiocruz

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta terça-feira (04.01), 559.043 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.069 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado, 5 nas últimas 24h.

Foram notificadas 699 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 559.043 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 2.534 estão em isolamento domiciliar e 541.896 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 70 internações em UTIs públicas e 46 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 40,70% para UTIs adulto e em 10% para enfermaria adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (114.742), Várzea Grande (42.040), Rondonópolis (38.626), Sinop 27.094), Sorriso (18.639), Tangará da Serra (17.986), Lucas do Rio Verde (15.805), Primavera do Leste (15.033), Cáceres (12.194) e Alta Floresta (11.549).

Flurona
A Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá confirmou o primeiro caso de Flurona no município. Uma mulher de 34 anos contraiu a dupla infecção por coronavírus e influenza A H3N2, que foi internada em unidade hospitalar privada e já teve alta. Veja a nota divulgada pela SMS:

"Desde dezembro de 2021 até esta terça-feira (4), registrou 134 casos notificados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) entre residentes em Cuiabá. Desses, 44 foram confirmados, sendo 33 por Influenza A, quatro por Influenza A H3N2, um por Influenza B, cinco por covid-19 e uma coinfecção por Influenza A H3N2 e Covid-19. Este último caso trata-se de uma mulher de 34 anos que ficou internada em hospital particular e já recebeu alta.   

- Quanto aos moradores de outros municípios atendidos em Cuiabá, foram notificados 34 casos, sendo que oito foram confirmados para Influenza A, um para Influenza A H3N2 e dois para covid-19.   

- Em relação à síndrome gripal entre os residentes de Cuiabá, 118 casos confirmados foram repassados pelos laboratórios à Vigilância, sendo 88 por Influenza A, 21 por Influenza A H3N2, um por Influenza A H1N1 e um por vírus sincicial. Também houve seis coinfecções por Influenza A H3N2 e Covid-19 e uma coinfecção por Influenza A H3N2 e rinovírus.   

- Entre os moradores de outros municípios atendidos em Cuiabá, houve 19 casos confirmados, sendo 16 por Influenza A, dois por Influenza A H3N2 e um por vírus sincicial.   

- Vale ressaltar que os casos de síndrome respiratória aguda grave (SRAG) são aqueles cujos pacientes chegaram a ser internados, enquanto as síndromes gripais são ambulatoriais.   

- Vale destacar ainda que somente os casos de SRAG são de notificação obrigatória, conforme protocolo do Ministério da Saúde.   

- A SMS segue atenta ao cenário e atuando com o Plano de Enfrentamento à Síndrome Respiratória Aguda Grave e à Síndrome Gripal, com atendimento em livre demanda nas unidades básicas de saúde para atender os casos leves e orienta a população que mantenha as medidas de prevenção, como a higienização constante das mãos, uso de máscara, distanciamento social e atualização da caderneta de vacinação."
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet