Sexta-feira, 22 de janeiro de 2021
informe o texto

Notícias | Geral

Instigados por Donald Trump, manifestantes invadem o Capitólio

Uma pessoa foi baleada durante a invasão do Capitólio

06/01/2021 - 17:17 | Atualizada em 06/01/2021 - 20:11

Da Redação

Instigados por Donald Trump, manifestantes invadem o Capitólio

Foto: Print de tela/CNN

Depois de um discurso inflamado do ainda presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, manifestantes republicanos invadiram o Capitólio, em Washington, sede do Congresso americano, e a sessão que deve confirmar a eleição de Joe Biden foi suspensa.

Donald Trump insiste que houve fraude nas eleições, o que já foi refutado pela Justiça.

A atitude do presidente Trump é criticada por milhares de americanos nas redes sociais.

No Twitter, Trump criticou o vice-presidente Mike Pence: "Mike Pence não teve a coragem de fazer o que deveria ter sido feito para proteger nosso País e nossa Constituição, dando aos Estados a chance de certificar um conjunto corrigido de fatos, e não os fraudulentos ou imprecisos que foram solicitados a certificar previamente. Os EUA exigem a verdade!"

Sobre a invasão do Capitólio, Trump limitou-se a pedir respeito pelos policiais: "Estou pedindo a todos no Capitólio dos EUA que permaneçam em paz. Sem violencia! Lembre-se, NÓS somos o Partido da Lei e da Ordem - respeite a Lei e nossos grandes homens e mulheres em Azul. Obrigado!"

No momento desta publicação os invasores estão sendo retirados do prédio. Segundo a rede CNN houve disparos de armas de fogo, vidraças quebradas e vandalismo. Uma mulher foi baleada durante a invasão, 

A segurança do Capitólio era fraca, com poucos policiais, e a invasão foi, indiscutivelmente, articulada e incentivada por Trump.

A prefeita de Washington, Muriel Bowser, declarou toque de recolher na cidade a partir das 18h, por um período de 12 horas

(Atualizada às 19:55h) - Segundo a imprensa local, a mulher baleada morreu. Ela era funcionária do Congresso.

No Twitter, o presidente eleito Joe Biden escreveu: 'Apelo ao presidente Trump para ir à televisão nacional agora para cumprir seu juramento e defender a Constituição, exigindo o fim deste cerco'.

Donald Trump, tardiamente, pediu no Twitter que os invasores respeitem a ordem e não cometam violência, mas não pediu que os vândalos deixassem o Capitólio. Ele ainda postou um vídeo insistindo que tria sido 'roubado' , incentivando seus apoiadores/vândalos. "Estas são as coisas e eventos que acontecem quando uma sagrada vitória eleitoral esmagadora é tão sem cerimônia e cruelmente retirada de grandes patriotas que foram mal e injustamente tratados por tanto tempo. Vá para casa com amor e em paz. Lembre-se deste dia para sempre!" publicou Trump no Twitter há poucos minutos. O Twitter bloqueou o vídeo e a postagem mentirosa do ainda presidente. O YouTube apagou o vídeo do presidente por incentivar a violência.



 

Enquete

Você mato-grossense vai tomar a vacina contra a covid-19?

Você deve selecionar uma opção
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet