Quinta-Feira, 23 de Maio de 2019

Municipal
Domingo, 05 de Maio de 2019, 07h:51

O ATAQUE INDEFENSÁVEL

Políticos e analistas sugerem que processos podem inviabilizar a reeleição de Emanuel Pinheiro

Cícero Henrique

Reprodução

Emanuel Pinheiro

Por enquanto discretamente, e só nos bastidores, políticos começam a sugerir que processos — se em grande quantidade — podem, a médio ou longo prazo, inviabilizar a reeleição do prefeito Emanuel Pinheiro.

Em pouco tempo, seguindo um marketing que gera popularidade e processos judiciais, Emanuel Pinheiro só vem acumulando na sua gestão. 

Há quem avalie que tais ações, com provas cabais, vão gerar um desgaste que, de tão corrosivo, tornará Emanuel Pinheiro indefensável. Políticos já fazem apostas: “Qual vai ser o próximo processo contra Emanuel Pinheiro?”

Políticos e analistas sugerem que o prefeito de Cuiabá precisa moderar-se. Porque, se um dia for a julgamento, pode ficar sozinho — como ficou Demóstenes Torres há alguns anos. Eles sublinham que as críticas contra Emanuel Pinheiro contém verdades, mas o prefeito continua arrogante. “No Estado Democrático de Direito quem acusa tem de apresentar as provas e, quando mais graves as denúncias, mais contundentes devem ser as provas”, frisa um deputado.

Um dos processos que dará mais trabalho a Emanuel Pinheiro, postulam políticos, será o do vídeo da propina do paletó e da máfia da saúde.

Além disso, nos bastidores comentários são fortes de que o prefeito não disputará a reeleição, e já vem pensando numa candidatura alternativa.

 

 

 

 

 

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO