Imprimir

Imprimir Notícia

29/12/2022 - 11:42

Mulher do pastor bolsonarista desesperada: "Xandão veio atrás da gente"

Circulam nas redes sociais na manhã desta quinta-feira vídeos em que a mulher do pastor bolsonarista Átilla Reginaldo Franco de Mello, preso hoje pela PF, entra em desespero enquanto o marido é conduzido por agentes em São Gonçalo (RJ).

Nas imagens, Cari Mello chora e grita ao afirmar que o líder religioso havia sido preso por ordem de Alexandre de Moraes, do STF. Ela também cobra providências de aliados da direita e das Forças Armadas ante a operação que mira 40 bolsonaristas identificados como participantes de atos antidemocráticos (com 11 mandados de prisão expedidos por Moraes).

— Brasil, quero que vocês saibam que o meu marido está sendo levado pela PF aqui em São Gonçalo. Não sei qual é o motivo, mas o Xandão veio atrás da gente. Por favor, eu preciso de ajuda. (...) Ele tava lutando pela causa do Brasil, pela bandeira. Cadê o Exército? Cadê as Forças Armadas para soltar o meu marido? (...) Cadê a direita para defender a gente que tava lá lutando pelo Brasil?

 

 
 Imprimir