informe o texto

Notícias | Cidades

Polícia Civil prende em flagrante três criminosos que golpearam motorista de aplicativo e roubaram veículo em VG

TENTATIVA DE LATROCÍNIO

25/11/2023 - 12:53 | Atualizada em 25/11/2023 - 14:33

Redação

Polícia Civil prende em flagrante três criminosos que golpearam motorista de aplicativo e roubaram veículo em VG

Foto: Polícia Civil-MT

 Três criminosos foram presos em flagrante pela equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande, na noite desta sexta-feira (24.11), pela tentativa de latrocínio contra um motorista de aplicativo, de 59 anos. A vítima está hospitalizada em estado gravíssimo, em uma UTI.

O crime ocorreu por volta das cinco e meia de sexta-feira, no bairro São Simão. A equipe da Derf realizou diligências durante todo o dia para localizar os responsáveis pelo crime.

Conforme a apuração da unidade especializada, os criminosos pediram uma corrida pelo aplicativo 99 Pop e ao chegar no bairro São Simão, o trio ordenou que a vítima parasse o veículo, um modelo Meriva Joy, e anunciou o roubo. Os criminosos atacaram a vítima com uma faca e depois fugiram levando o veículo, carteira de documentos e o celular.

A vítima foi socorrida por uma equipe da Polícia Militar e encaminhada ao pronto-socorro pelo Samu, onde passou por cirurgia em função das perfurações sofridas, que atingiram o tórax e as costas.

Durante as diligências, a equipe da Delegacia de Roubos e Furtos identificou a pessoa que solicitou o transporte pelo aplicativo e chegou à identificação de dois dos criminosos, ambos amigos. Um deles é cunhado do homem que solicitou a corrida. A mãe de um dos criminosos declarou aos policiais que em contato com o filho, este lhe confessou que junto com duas pessoas havia esfaqueado um motorista de aplicativo para roubá-lo.

Em buscas no bairro Parque Atalaia, em Cuiabá, a equipe policial prendeu dois criminosos escondidos em um matagal. O terceiro criminoso foi localizado na sequência.

O crime

O trio confessou a tentativa de latrocínio e disse que decidiu praticar o crime contra motorista de aplicativo por ‘ser mais fácil’, uma vez que a vítima trabalha sozinha e dificilmente reagiria contra três pessoas. Todos estavam armados com facas de cozinha e disseram que planejaram previamente o crime, simulando a corrida até o bairro Pedra 90, em Cuiabá, mas que pretendiam praticar o crime em Várzea Grande mesmo.

Ao chegar no bairro São Simão, um dos criminosos pediu para que o motorista parasse, para que pudesse urinar, quando então, o trio atacou a vítima anunciando o roubo. O motorista ainda abriu a porta e tentou correr, mas um dos criminosos o derrubou e o cercaram, desferindo os golpes de faca. Os três alegaram que a intenção era forçar a vítima a fazer transferências bancárias, mas como o motorista teria tentado se defender, eles o golpearam e fugiram levando o veículo e pertences.

Após saber que a polícia estava investigando o roubo, os três abandonaram o veículo no bairro Costa Verde e quebraram o celular da vítima.

Um deles, o que solicitou a corrida, fez 18 anos em maio deste ano. Ele ficou internado em unidade do Sistema Socioeducativo por atos infracionais análogos a roubo. Foi colocado em liberdade em outubro.

Os três foram autuados em flagrante pela delegada Elaine Fernandes pelo crime de roubo seguido de morte na forma tentada e serão encaminhados à audiência de custódia. "Os conduzidos não demonstraram qualquer arrependimento, ao contrário, estavam bastante frios", disse a delegada. 

A vítima foi transferida a um hospital particular em Cuiabá e permanece em unidade de terapia intensiva, em estado gravíssimo.

 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet