Sexta-feira, 21 de janeiro de 2022
informe o texto

Notícias | Cidades

Repressão a crimes patrimoniais e tráfico resulta em 19 operações e 456 prisões realizadas pela Polícia Civil, em Rondonópolis

DERF RONDONÓPOLIS

22/12/2021 - 08:45 | Atualizada em 22/12/2021 - 16:55

Raquel Teixeira

Repressão a crimes patrimoniais e tráfico resulta em 19 operações e 456 prisões realizadas pela Polícia Civil, em Rondonópolis

Foto: Polícia Civil-MT

A atuação da Polícia Civil em Rondonópolis na investigação a delitos patrimoniais e tráfico de entorpecentes resultou neste ano em 456 prisões, entre flagrantes e cumprimento de mandados, e 19 operações de repressão qualificada a crimes como tortura, roubo de cargas, tráfico, furto e roubo a comércio e residências e integração de organização criminosa.
 

O trabalho da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Rondonópolis (Derf) também se reflete no número de inquéritos sobre os delitos apurados pela unidade - foram 691 inquéritos instaurados e 857 inquéritos concluídos, além de 314 representações que incluem pedidos de prisões, busca e apreensão e outras medidas cautelares.

O delegado titular da unidade, Santiago Rozendo Sanches, destaca que as equipes, mesmo com diversas restrições ainda causadas pela pandemia, se mantiveram atuantes no esforço de investigar e esclarecer os delitos atendidos pela Derf, especialmente o combate ao tráfico de drogas no município e aos roubos e furtos a residências, comércio e de cargas.

“O esforço coletivo das equipes resultou em diversos crimes esclarecidos e com os criminosos responsabilizados, a exemplo das 456 prisões que realizamos ao longo do ano em diversas investigações. Tivemos ainda uma apreensão expressiva de entorpecentes, somando 2,6 toneladas de drogas entre maconha, pasta base, cocaína e outras drogas sintéticas. Uma dessas apreensões foi a interceptação de 398 tabletes de maconha, que um casal trazia de Ponta Porã para Rondonópolis”, explicou o delegado.

Operações

O resultado do trabalho da unidade especializada se reflete ainda em 19 operações realizadas entre janeiro e dezembro, entre elas a Vinculum, a Carga Máxima, Mercado Paralelo, Grupo 11 e New Life, cujos alvos foram investigados por integrar organização criminosa, roubo, tráfico de drogas, associação para o tráfico e tortura.

A Operação Carga Máxima, deflagrada em maio deste ano, investigou uma associação criminosa envolvida com roubos, furtos e adulteração de cargas de grãos na região sul do estado. Onze pessoas foram presas, entre elas o homem investigado por liderar o grupo criminoso. Durante as investigações, a equipe da DERF chegou à identificação de todos os envolvidos e a atuação de cada membro do grupo, desde aqueles que realizavam o roubo da carga, transporte, descarregamento, entre outras fases, até a última etapa, que era a adulteração do grão.

Já a New Life prendeu em julho passado, 9 pessoas ligadas a uma facção criminosa. A operação foi deflagrada para apurar a atuação do grupo em diversos crimes praticados no município, entre eles,o tráfico de drogas. Um dos presos é um dos principais líderes da facção criminosa na região sul do estado e o grupo responde por constituir organização criminosa, posse irregular de arma de fogo e munição de uso permitido, uso de documento falso e corrupção de menores.

A operação New Life fez alusão às alegações de recomeço de uma nova vida pelo principal alvo da investigação. O investigado, de 41 anos, disse aos policiais que a intenção dele era nascer de novo, com uma ficha totalmente limpa que possibilitasse circular livremente e, para isso, utilizou documentos falsos, inclusive para abrir uma empresa de transportes.

Apreensões

Durante as ações realizadas em 2021 pela equipe da Derf de Rondonópolis foram apreendidos 135 veículos e R$ 750 mil em dinheiro foram bloqueados judicialmente. Os policiais civis também apreenderam 25 armas de fogo e 530 munições. A delegacia também realizou 314 representações por medidas como prisões, busca e apreensão, destruição de armas, drogas, entre outros.

 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet