Domingo, 28 de novembro de 2021
informe o texto

Notícias | Jurídico

Seis ministros votam a favor da suspensão do pagamento das emendas de relator

Alexandre de Moraes deu o sexto voto e referendou a liminar de Rosa Weber

09/11/2021 - 17:01 | Atualizada em 10/11/2021 - 17:26

Jô Navarro

Seis ministros votam a favor da suspensão do pagamento das emendas de relator

Foto: STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) acaba de formar maioria para manter a decisão liminar da ministra Rosa Weber que suspende as emendas de relator, conhecidas como "orçamento secreto". A votação continua até as 23h59 desta quarta (10), no plenário virtual.

O resultado da votação pode interferir na votação em segundo turno da PEC dos Precatórios, em curso neste momento na Câmara dos Deputados.

As emendas foram usadas pelo governo federal e Arthur Lira para comprar votos e aprovar o calote dos precatórios, com o subterfúgio de financiar o programa Auxílio Brasil.

Os seis ministros que votaram até agora, além de Rosa Weber, os ministros Luís Roberto Barroso, Cármen Lúcia, Edson Fachin, Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes.
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet