Segunda-feira, 6 de dezembro de 2021
informe o texto

Notícias | Legislativo

Bobo da Corte, Louro José, Palhaço, Véio da Havan, Fanfarrão, são os apelidos do empresário Luciano Hang

SENADO FEDERAL

29/09/2021 - 16:08 | Atualizada em 01/10/2021 - 08:33

Esmael

Bobo da Corte, Louro José, Palhaço, Véio da Havan, Fanfarrão, são os apelidos do empresário Luciano Hang

Foto: Agência Senado

O empresário catarinense Luciano Hang, na CPI da Pandemia, deixou aflorar seus apelidos: Bobo da Corte, Louro José, Palhaço, Véio da Havan, Fanfarrão, Burro, etc.

Os adjetivos presidem a sessão da comissão de investigação no Senado.

Luciano Hang, o Véio da Havan, negou que seja sonegador de impostos e jurou jamais intimidou os meus colaboradores [empregados] na campanha de 2018. “São as pessoas que vão contar que tudo isso é mentira.”

À CPI, Luciano Hang disse que não financiou atos antidemocráticas no dia 7 de setembro e que não financiou atos favoráveis ao governo Bolsonaro, bem como nunca se reuniu com o presidente da República para tratar sobre a pandemia de covid-19.

Sobre o financiamento de sites que propagam fake news, o Véio da Havan afirmou que pagou R$ 250 milhões em anúncios para a plataforma Google.

Especificamente, Luciano Hang disse que não patrocinou o site do blogueiro Allan dos Santos, que é investigado pelo STF no processo sobre propagação de fake news.

Burro, Véio da Havan, Bobo da Corte, Palhaço, seja o que for, a despeito das mentiras, o empresário Luciano Hang segue conseguindo divertir-se na CPI.

 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet