Sábado, 23 de outubro de 2021
informe o texto

Notícias | Legislativo

Congresso mantém suspensa obrigatoriedade da prova de vida a segurados do INSS

28/09/2021 - 08:42 | Atualizada em 30/09/2021 - 08:14

Da Redação

Congresso mantém suspensa obrigatoriedade da prova de vida a segurados do INSS

Foto: Reprodução

Em sessão do Congresso nesta segunda-feira (27), os senadores derrubaram veto parcial (VET 47/2021), à lei 14.199, de 2021, que trata de medidas alternativas de prova de vida para os beneficiários da Previdência Social. Foram 54 votos a 8 pela derrubada do veto presidencial.

O presidente Jair Bolsonaro vetou o trecho que suspende, até 31 de dezembro deste ano, a comprovação de vida para os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O veto ainda deve ser analisado pelos deputados federais.

Na justificação do veto, o Ministério do Trabalho argumentou que a norma contraria o interesse público, pois a suspensão da comprovação poderia implicar manutenção e pagamento indevido de benefícios que deveriam ser interrompidos.

"Um total superior a 28,7 milhões de segurados efetivaram regularmente a comprovação demandada”, acrescenta a mensagem de veto, argumentando que os demais beneficiários “poderiam proceder à comprovação no período de junho de 2021 a abril de 2022, garantido aos titulares de benefícios um razoável lapso temporal para planejar e decidir sobre a melhor forma para realizar o procedimento".

Na Câmara dos Deputados, foram 353 votos pela rejeição e 110 pela manutenção do dispositivo. Dessa forma, a medida será reincorporada ao texto da lei.

Assim, fica suspensa, durante o ano de 2021, a comprovação de vida perante o INSS para que os segurados continuem a receber os proventos.
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet