Segunda-feira, 6 de dezembro de 2021
informe o texto

Notícias | Legislativo

Demóstenes pede votos e pode escapar da cassação

24/05/2012 - 07:26

Ailton de Freitas

Pelo balanço de peemedebistas e líderes da base governista no Senado, o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) só precisaria virar hoje 11 votos para não ser cassado no plenário da Casa. Certo de que o caso é perdido no Conselho de Ética, onde o pedido de cassação deve ser aprovado em votação aberta no final de junho, Demóstenes tem investido pesado nas articulações para derrubar a decisão do colegiado no plenário, onde o voto é secreto. Nesta quarta-feira, ele passou quase toda a tarde no plenário, e senadores de quase todos os partidos fizeram questão de cumprimentá-lo ou trocar algumas palavras.A cassação de um mandato exige o voto de 41 dos 81 senadores. Pelo levantamento informal, Demóstenes já contaria com 30 votos a seu favor, principalmente do PMDB.

JARBAS E HUMBERTO

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) foi um dos que Demóstenes procurou. ‘‘O Demóstenes andou me ligando, dizendo que estava à disposição para dar explicações. Mas depois que publicaram que eu defendia o voto aberto para votação de seu processo no plenário, ele parou de me ligar‘‘, contou Jarbas Vasconcelos.

O relator do processo no conselho, senador Humberto Costa (PT-PE), nega que esteja sendo articulada uma pena alternativa, mais branda, de afastamento por seis meses, ao invés da cassação: ‘‘Eu ouvi essa conversa. Fui atrás mas não tem nada. Quem iria apresentar um voto em separado nesse sentido?‘‘

 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet