Segunda-feira, 6 de dezembro de 2021
informe o texto

Notícias | Brasil

'Podemos ter até 3 mil prefeitos fichas sujas'

16/05/2012 - 11:23

Cícero Henrique

O presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziulkoski, prevê um cenário político sombrio para a maioria dos prefeitos que encerra o mandato em dezembro.

“Se as leis forem cumpridas como foram feitas, podemos ter até 3 mil fichas sujas”, declara ele, que abre hoje a 15ª Marcha dos Prefeitos a Brasília.Segundo Ziulkoski, esse é o contingente de prefeitos que tendem a ter as contas rejeitadas, em especial pelo descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).Nos cálculos da confederação, o aumento geral das despesas e atribuições dos municípios na divisão das contas com estados e União vai chegar a R$ 61,9 bilhões neste ano. “Já o aumento dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios está estimado para 2012 em R$ 8,2 bilhões. Quem vai assumir essa diferença?”

Ziulkoski frisou que a maioria das prefeituras está em “grave crise financeira”. “Chegamos a algumas situações absurdas, sem saída. Há inúmeros casos em que ou o prefeito descumpre a LRF ou paga o piso do magistério.”

Ficha Suja no CNJ

Bem diferente da situação colocada pelo presidente da CNM, em Mato Grosso tem o prefeito Chico Galindo(PTB), consta na lista do Conselho Nacional de Justiça, e assim mesmo pretende disputar a reeleição.

Além de outros casos como prestação de contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas de Estado, por improbidade administrativa, a lista promete ser bastante longa, acabe o Tribunal Regional Eleitoral fazer valer a lei.

 

 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet