Sábado, 6 de março de 2021
informe o texto

Notícias | Brasil

Governo de SP coloca 7 regiões na fase vermelha a partir de segunda-feira

22/01/2021 - 15:29

Redação

Governo de SP coloca 7 regiões na fase vermelha a partir de segunda-feira

Foto: Reprodução

Governo de SP adiou o inicio das aulas da rede estadual, previsto para o dia 1º de fevereiro, e suspendeu obrigatoriedade de presença física dos alunos nos municípios na fase laranja e vermelha. A previsão agora é que as aulas sejam iniciadas em 8 de fevereiro.

As escolas particulares continuam autorizadas a funcionar a partir do dia 1ª de fevereiro.

O governador João Doria determinou que todo o estado fique na fase vermelha do plano de flexibilização econômica aos finais de semana e feriados. Nos dias úteis, a fase vermelha valerá das 20h às 6h.
  • A partir de segunda-feira (25), as regiões de Barretos, Bauru, Franca, Marília, Presidente Prudente, Sorocaba e Taubaté estarão na fase vermelha do Plano São Paulo
  • As demais, incluindo a Grande São Paulo, ficarão na etapa laranja
  • Setores não essenciais fecham aos fins de semana e feriados e após as 20h em dias úteis


Na fase vermelha, bares, restaurantes e comércio não poderão funcionar. Já os serviços essenciais como padarias, mercados e farmácias podem abrir.

No interior a medida começa a vigorar nos finais de semana dos dias 30 e 31 e 06 e 07 de fevereiro. Na Capital, já vale na próxima segunda-feira, dia 25, aniversário da cidade.

"Algumas medidas poderão ser implementadas nos próximos dias adicionalmente às que estamos tomando hoje. Se os indicadores não melhorarem, se as pessoas não mudarem o seu comportamento, como por exemplo, não vamos esperar 2ª feira para começar a cumprir com as medidas hoje anunciadas. A partir de agora as pessoas já devem ter a preocupação de reduzir ao máximo tudo aquilo que pode aumentar a transmissibilidade da doença. Não fiquem esperando decreto. Não fiquem esperando as ordens do governo.", disse João Gabbardo,  coordenador Executivo do Centro de Contingência da Covid-19.

“São Paulo apresenta, neste momento, um óbito a cada seis minutos. O tempo que nós demorarmos para tomar as medidas necessárias vão significar óbitos nessa velocidade”, disse Gabbardo.

As medidas vão vigorar até o dia 7 de fevereiro. Até lá, nenhuma região poderá avançar às fases amarela e verde, as mais flexíveis em relação ao atendimento presencial. “Antes que milhões de brasileiros possam ser vacinados, todos nós precisamos lidar com a dura realidade que a pandemia nos impõe neste momento”, afirmou o Governador João Doria.
 

Informe seu email e receba notícias!

Sitevip Internet