Quinta-Feira, 17 de Agosto de 2017

Direção nacional do PSB coloca Valtenir na presidência e deve causar debandada | Caldeirão Político

Mato Grosso

Quarta-Feira, 14 de Junho de 2017, 16h:25

CONFLITO INTERNO

Direção nacional do PSB coloca Valtenir na presidência e deve causar debandada

Cícero Henrique

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, puxou o tapete do grupo de Mauro Mendes. Confirmou que ainda hoje o deputado federal Valtenir Pereira retorna à legenda e assume a presidência do diretório regional. Valtenir Pereira assinou ficha de filiação ao PSB, nesta quarta-feira (14), em Brasília, em um ato com a presença do presidente nacional do partido, Carlos Siqueira. 

No ato de filiação, Siqueira destacou a trajetória de Valtenir Pereira na luta em favor das causas sociais e a importância do retorno do deputado ao partido. “Valtenir Pereira volta à sua própria casa, o PSB, estamos felizes por recebê-lo. Ele tem origem e trajetória política identificada com as camadas populares do interior do Mato Grosso, é uma pessoa muito dedicada às causas sociais”, disse

A decisão pegou de surpresa o presidente da ALMT, Eduardo Botelho, o deputado federal Fábio Garcia, deputado federal Adilton Sachetti, os deputados estaduais Max Russi, Mauro Savi, Oscar Bezerra e Adriano Silva, além do ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes.

A direção nacional da legenda não perdoou o voto de Garcia, favorável à reforma trabalhista, em abril passado. Logo depois a direção nacional destituiu Garcia da presidência, estendendo a decisão a todo o diretório.

Debandada
Valtenir Pereira deixou o PSB em 2013, quando migrou para o PROS, justamente por sua insatisfação com o grupo de Mauro Mendes.

Seu retorno quatro anos depois causou forte reação nos parlamentares do PSB, que vão se reunir amanhã para avaliar se deixam a legenda em bloco.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO