Página Inicial   |   Expediente   |   Anuncie   |   Fale Conosco
Busca:  
Sábado, dia 24 de Junho de 2017
Mato Grosso   |   Brasil   |   Mundo   |   Executivo   |   Legislativo   |   Judiciário   |   Geral   |   Cidades   |   Concursos   |   Eventos&Negócios   |   Caldeirão Jurídico   |   Aeroportos   |   Meteorologia   |   Malagueta   |   Vídeos
Sábado, dia 24 de Junho de 2017
Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
ORÇAMENTO PRESERVADO
TJ extingue ato que anulava sessão da ALMT sobre Plano Plurianual
14/06/17 - 15:51
Por: Redação

Foto de Reprodução

A juíza Vandymara Zanolo, convocada como relatora da Turma de Câmaras Cíveis Reunidas de Direito Público e Coletivo, do Tribunal de Justiça (TJMT), extinguiu o mandado de segurança pedido pelo deputado estadual Zeca Viana, que anulava a sessão da Assembleia Legislativa (ALMT) que aprovou o Plano Plurianual (PPA) 2016-2020 do Governo do Estado. A magistrada acatou a argumentação feita pela Procuradoria Geral do Estado (PGE-MT). Caso o mandado fosse acolhido, haveria risco de comprometer, inclusive, a execução do orçamento de 2017.

Em fevereiro deste ano, a PGE já havia conseguido, junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), uma liminar derrubando o ato que havia tornado nula aquela sessão da Assembleia Legislativa. A PGE argumentou junto ao Supremo que a ação não foi julgada na instância certa do TJMT.

Na época, o ministro-relator Luiz Roberto Barroso apontou: “Considerando, portanto, que não houve a devida observância à clausula da reserva de plenário. Já que o julgamento foi efetuado por órgão fracionário, está presente a fumaça do bom direito na alegação do descumprimento da Súmula Vinculante 10”.

No final do despacho, proferido na última sexta-feira (09.06), a juíza Vandymara Zanolo escreveu: “Dessa forma, os embargos devem ser acolhidos, pois a ação mandamental restou prejudicada perante a superveniente conversão do Projeto de Lei nº 531/2015, em Lei nº 10.340/2015, o que conduz à extinção do feito pela perda do objeto e, consequentemente, a falta de interesse processual pela ausência de utilidade/necessidade do processo. Ante o exposto, acolho os presentes Embargos de Declaração, atribuindo-lhes efeitos modificativos, para julgar extinto o presente Mandado de Segurança pela perda superveniente do objeto”.

 Leia também

Invalidação do PPA 2016-2019 compromete o Orçamento dos três Poderes

Compartilhe! 
Comentários
ATENÇÃO! Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do CALDEIRÃO POLÍTICO. Evite comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, os comentários serão moderados. O CALDEIRÃO POLÍTICO poderá retirar, sem prévia notificação ou aviso, comentários postados que não respeitem estes critérios.
Outras Notícias
GRAMPOS
24/06/17 - 08:37 - Em nota, governo de MT diz que coronéis presos gozam da total confiança
TROCA DE COMANDO
23/06/17 - 17:39 - Pedro Taques troca comanda da PM após vazamento de prisões de militares em MT
MATO GROSSO
23/06/17 - 09:45 - Governador recebe demanda de vereadores e apresenta ações em Cuiabá
OBRAS VIÁRIAS
22/06/17 - 13:35 - Governador vistoria obras de trincheira e duplicação da Estrada da Guia
URBANISMO
22/06/17 - 10:47 - Ilha da Banana será revitalizada e se tornará ponto turístico da Capital
GRAMPOS
OPINIÃO
OPERAÇÃO CONVESCOTE
11 PRESOS
BASTIDORES
EM BREVE
POLÍTICA E NEGÓCIOS
SEGURANÇA
ANÁLISE CRIMINAL
MAIOR JULGAMENTO

Reforma trabalhista deve ser votada na CCJ dia 28 de junho

Ana Amélia questiona ministro Fachin sobre retirada de investigações da alçada do juiz Moro

PF prende 15 policiais rodoviários suspeitos de cobrar propina e favorecer comerciantes

Maioria dos ministros valida delação da JBS e mantém Fachin relator

Juiz torna Riva e Mauro Savi réus em mais uma ação de improbidade

VALTENIR VIROU SACO DE PANCADA

Informatização das unidades de saúde melhora atendimento e gestão da farmácia

 
Início   |   Expediente   |   Envie sua sugestão   |   Fale Conosco
Todos os Direitos Reservados para o Caldeirão Político
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil