Página Inicial   |   Expediente   |   Anuncie   |   Fale Conosco
Busca:  
Terça-Feira, dia 27 de Junho de 2017
Mato Grosso   |   Brasil   |   Mundo   |   Executivo   |   Legislativo   |   Judiciário   |   Geral   |   Cidades   |   Concursos   |   Eventos&Negócios   |   Caldeirão Jurídico   |   Aeroportos   |   Meteorologia   |   Malagueta   |   Vídeos
Terça-Feira, dia 27 de Junho de 2017
Nome:
E-mail:
Seu amigo:
E-mail dele:
Assunto:
Comentário:
ELEIÇÕES NA FRANÇA
Le Pen admite derrota e felicita Macron
07/05/17 - 15:53
Por: EFE

Foto de Reprodução

O candidato centrista Emmanuel Macron venceu neste domingo o segundo turno das eleições presidenciais da França com vantagem de 30 pontos percentuais sobre sua adversária, a líder da extrema direita Marine Le Pen, segundo as primeiras projeções dos institutos de pesquisa do país após o fechamento das urnas, às 15 horas de hoje.

De acordo com as estimativas de votos válidos divulgadas pela imprensa francesa, Macron teria obtido 65% dos votos contra 35% de Le Pen, com uma participação de 75%, um dos índices mais baixos da história das eleições no país.

Os resultados de Macron, melhores do que as pesquisas tinham previsto nas duas semanas entre o primeiro e o segundo turno, oscilam entre 65,1%, segundo o Instituto Ipsos, e os 65,9% projetados pelo Instituto Elabe, segundo a emissora BFMTV.

Outras pesquisas, como a realizada pelo Instituto Sofres para a TF1 também colocam o centrista no limite de conseguir o apoio de dois terços dos eleitores franceses.

A participação, que estaria entre o 74% e o 75%, é a mais baixa registrada no segundo turno das eleições presidenciais na França desde 1969, quando Georges Pompidou foi eleito

Le Pen

A candidata derrotada Marie Le Pen discursou poucos minutos após o encerramento do pleito. Ela disse que ligou para felicitar o candidato vencedor e agradeceu os votos que recebeu. Considerou ainda que seu partido, a Frente Nacional, conquistou um resultado histórico nas urnas.

Compartilhe! 
Comentários
ATENÇÃO! Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do CALDEIRÃO POLÍTICO. Evite comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, os comentários serão moderados. O CALDEIRÃO POLÍTICO poderá retirar, sem prévia notificação ou aviso, comentários postados que não respeitem estes critérios.
Outras Notícias
GUERRILHA COLOMBIANA
27/06/17 - 07:32 - As FARC entregam todas as armas à ONU
MÁFIA CALABRESA
26/06/17 - 11:04 - Como a máfia italiana lucra com a imigração
NAUFRÁGIO NA COLÔMBIA
25/06/17 - 20:58 - Naufrágio de barco turístico deixa ao menos três mortos e 31 desaparecidos na Colômbia
CRISE NA VENEZUELA
24/06/17 - 19:38 - Leopoldo López grita na prisão: "Estão me torturando, denunciem!"
SOBREVIVENTE E GUERREIRA
23/06/17 - 13:51 - Seis donos e 20 meses como escrava do Estado Islâmico
JÚLIO CAMPOS
ELEIÇÕES NA FRANÇA
JÁ CONVERSOU COM MARINA SILVA
EUA
DE OLHO NAS URNAS
PRESSA DA OPOSIÇÃO
ELEIÇÕES 2018
FRANÇA
CIBERATAQUE

Prioridade especial a idosos com mais de 80 anos vai à sanção presidencial

Reforma trabalhista deve ser votada na CCJ dia 28 de junho

LULA SERÁ CONDENADO A 22 ANOS

"Momento político do país é inadequado para nova lei de abuso de autoridade"

Valtenir fala em reposicionamento do PSB e avisa que impedirá traições

PIB agrícola deverá crescer 9,6% em 2017

SAFADEZA NA POLÍTICA NÃO É INVENÇÃO BRASILEIRA

 
Início   |   Expediente   |   Envie sua sugestão   |   Fale Conosco
Todos os Direitos Reservados para o Caldeirão Político
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil