Quinta-Feira, 17 de Agosto de 2017

Maior incêndio da história de Portugal já matou mais de 60 pessoas | Caldeirão Político

Internacional

Domingo, 18 de Junho de 2017, 08h:21

TRAGÉDIA EM PORTUGAL

Maior incêndio da história de Portugal já matou mais de 60 pessoas

Redação com agências

Autoridades portuguesas e europeias estão perplexas com a dimensão do incêndio florestal que já matou 62 pessoas e deixou mais de 60 feridos em Pedrógão Grande, na região de Leiria, no centro de Portugal, segundo balanço oficial divulgado às 10h05 deste domingo (6h05 em Brasília) pelo jornal português “Público”.

As autoridades já afastaram a hipótese de incêndio criminoso.

Cerca de 1.600 pessoas, apoiados por 495 veículos e 15 aeronaves trabalham para combater cinco grandes incêndios que lavravam nos distritos de Castelo Branco, Coimbra, Leiria e Santarém, segundo dados da Proteção Civil.

Mais da metade das vítimas morreu carbonizada dentro de seus carros na estrada entre Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pêra, que foi tomada pelo fogo. O secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, informou que, entre os feridos, 18 foram levados para hospitais. Quatro bombeiros e uma criança estão em estado grave.

Entre as vítimas estarão quatro menores. Rodrigo, de quatro anos, seguia com um tio num carro. Na aldeia de Mó Pequena, Bianca, de 4 anos, morreu quando fugia com a avó. Outras duas crianças, com idades abaixo de 8 anos seguiam noutro veículo apanhado pelo fogo.

[foto2]

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO