Sexta-Feira, 20 de Outubro de 2017

Jogador se aposenta para doar fígado e salvar parente: ‘Jamais vou me arrepender' | Caldeirão Político
Geral
Quarta-Feira, 26 de Julho de 2017, 20h:00

CRAQUE DE EXEMPLO

Jogador se aposenta para doar fígado e salvar parente: ‘Jamais vou me arrepender'

Site EsporteFera

Em dias em que todos no mundo parecem tão egoístas e sem pensar no próximo, veio da Argentina um exemplo a ser seguido. Alejandro Benítez, que atuava pelo Central Larroque, decidiu encerrar a sua carreira para poder doar parte de seu fígado para seu sobrinho, de apenas nove meses, que corria risco de morte.

"Em primeiro lugar para mim era a saúde do meu sobrinho e nada me importava mais do que isso", disse, em entrevista à CNN. "Somos uma família muito unida, com três irmãos. Quando me disseram, eu não tive dúvidas. Eu teria que abandonar o futebol, mas não me importei. Eu jamais vou me arrepender de algo que fiz. Você não faz ideia da alegria que minha irmã ficou ao saber que havia uma chance de vida para Milo", acrescentou.

 

ctv-sfz-alejandro-benitez-argentina-rep-face-2Ex-jogador considera encontro com o sobrinho após a operação como o momento mais emocionante de sua vida Foto: Reprodução/Facebook

A criança foi diagnosticada com uma obstrução nos vasos que transportam bílis do fígado para a vesícula logo que nasceu e necessitava de um transplante de qualquer jeito. O processo, porém, não foi nada simples e as cirurgias demoraram 7 horas no caso de Alejandro e 12 para Milo. Tudo isso, porém, valeu a pena quando o ex-atleta se encontrou com o sobrinho pela primeira vez após a cirurgia: "Foi a coisa mais emocionante que aconteceu na minha vida".

Segundo Benítez, de 30 anos, sua idade avançada e uma lesão, que o tiraria de combate por um longo período, o fizeram ter ainda mais certeza da decisão. Ele, porém, pretende voltar ao futebol, mas não profissionalmente, apenas para se divertir.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO